terça-feira, 16 de março de 2010

Entrevista Alexia Twister


Amoreeeeeeeeesss!!!! Que saudadeeee!!! Venho hoje aqui trazer uma coisa muito especial!!! Que é uma entrevista com um dos grandes artistas da noite paulistana e brasileira, Matheus... Quem vê esse nome pergunta, quem é essa pessoa, pelo amor de Deus?? Aí eu respondo, trata-se da nossa estrela, nossa diva... ALEXIA TWISTER!!! *O*



Sigamos com a entrevista babadera:

1. Muitos de nós, ao nos depararmos com a nossa orientação sexual acabamos querendo desacreditar, por medo da família e da sociedade. Você sofreu com isso em sua adolescência?

Sim, como todo mundo, mas já na minha infância, percebi que era diferente dos meus amiguinhos

2. Como e quando nasceu Alexia Twister??

Meus amigos, sem que eu soubesse, me inscreveram em um concurso de novos talentos. Participei, fiquei em segundo lugar e nunca mais parei. Isso foi há 14 anos.


3. Quando você ingressou aos palcos, já tinha noção de como fazer suas maquiagens e figurinos? Como aprendeu?

Rs. Não tinha noção de nada, rs. Aprendi ”apanhando”, mesmo. Errando acertando, Procurando informação...


4. Qual a reação da sua família quando descobriu que você é gay? E qual foi a reação ao nascer Alexia?

Eles já “meio” que sabiam, porquê eu nunca fui um menino masculino, que gostava de jogar bola, entende? Mas, quando descobriram que eu ”me montava”,ou seja, quando a Alexia surgiu, foi bastante difícil, no começo. Mas com o tempo eles foram entendendo que é meu trabalho, que eu amo.


5. Já sofreu algum tipo de preconceito, por ser gay, ou pela profissão de Drag Queen? Se sim, como reagiu a ela?

Sim, já sofri tanto com um quanto com relação ao outro. Minha reação hoje em dia é mais tranqüila, não ligo, não interiorizo, não dou escândalo. Mas se tiver agressão vou a policia, com certeza.

6. Segue alguma outra profissão?

Sim, Apesar de ser possível viver como Drag. Mas eu prefiro, ter vida dupla, mesmo porquê, exorciza a Alexia. Os assuntos são outros, etc.


7. Mateus por Alexia e Alexia por Mateus.

Matheus por Alexia : Essa menina é a mulher da minha vida, mas ela me consome demais, rs. Alexia por Matheus: Queria que ele fosse mais animado, menos caseiro, mais fervido. Sem ele não vivo, literalmente Rs.


8. Em sua trajetória, houve algum show o qual você disse: “Esse foi o meu melhor show!”?

Ainda não! Sempre acredito que poderia ter feito melhor.

9. Em sua carreira, houve algum momento em que você sofreu uma decepção a ponto de querer largar os palcos?

Sim, várias vezes. Principalmente quando nos damos de frente com a chamada “máfia”, mas hoje já superei isso. Deixei as mafiosas de lado.


10. E a vida amorosa, como anda?

Muitíssimo bem, há 6 anos.

11. Aniversário

2 de julho.

12. Signo

Câncer.

13. Uma vez ouvi um certo comentário: “Camarins de boate são verdadeiros ninhos de cobra”. O que você acha sobre a concorrência nos palcos? Ela realmente existe?

Sim existe, mas não vejo desta forma. Talvez porquê, quando vou trabalhar, não penso em ser melhor que ninguém, nem em competir. Muitas fazem isso, é verdade. Mas dificilmente competem comigo, por causa da minha postura. Não coloco medo em ninguém. Penso em fazer o meu melhor naquele momento, afinal, prefiro deixar para o público julgar quem foi melhor naquela noite. As vezes brilhamos mais que outras vezes, não é mesmo?

14. No quarto de Alexia você encontra?

Nada. Tudo fica guardadinho, em seu respectivo lugar, porque eu detesto bagunça, rs.

15. Você é uma pessoa hiper ocupada e sempre de agenda cheia, o que costuma fazer nos tempos livres?

Dormir, rs.

16. Qual o segredo para manter o corpinho em forma?

Nossa!!! Tá em forma? Obrigada, rs. So tento me alimentar bem pra não ficar doente e parar de trabalhar, só isso.

17. Você tem alguma inspiração artística?

Sim. Uma Drag Queen, de São José dos Campos, interior de SP, de onde vim chamada Morgana Loren.

18. E a inspiração para tantas performances magníficas?

Bom eu gosto de dançar, mas também amo interpretar, bater cabelo. Não sei ao certo. Tem a ver com meu momento, com o publico, com a casa. E com as Divas da musica, maravilhosas.

19. Antes dos palcos, você já teve um histórico com a dança?

Sim, Fiz Jazz dos 9 aos 12 anos, mas não me formei.

20. Uma mensagem para aqueles que querem ir aos palcos e para as Drag Queens novatas.

Amem com todo o coração o que se propor a fazer. Ame. Sem se preocupar com o trabalho do outro. Estude, nunca deixe de estudar, porquê infelizmente somente talento, não garante que terá sucesso, é preciso sorte.

21. Uma mensagem para o Blog.

Obrigada a todos do Blog. Fico muito feliz com a oportunidade e o espaço que cedem a todas nos artistas Drag Queens. Muita sorte e muita luz para todos vocês. Bj!

Agredeço infinitamente por ter nos concedido essa entrevista!! Muito obrigado sempre!!
E genteee, deixarei aqui um video com performance dessa Diva!!!





Vamos curtir esse trabalho maravilhoso, pois Drag Queens são personagens maravilhosos, pura arte, o mais puro esforço. Então, antes de qualquer ataque preconceituoso, pense que alí tem um homem que superou todos os seus medos e que ralou muito p/ elaborar tudo, desde a maquiagem até o último dos passos da performance. Meu pedido é para que nosso Brasil saiba reconhecê-las como elas merecem, que com certeza é todo o reconhecimento do mundo!!!

Um comentário:

*M.Iwamoto disse...

Ah, é uma pessoa normal como todas as outras =D Gostei muito do que ela disse: "Não precisa apenas ter talento, precisa de sorte"

É verdade...=/